Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de Investimentos - PPI

Usinas hidrelétricas: Governo arrecada mais de R$ 12 bilhões com o leilão

Home > Notícias > Usinas hidrelétricas: Governo arrecada mais de R$ 12 bilhões com o leilão

27 de setembro de 2017

Usinas hidrelétricas: Governo arrecada mais de R$ 12 bilhões com o leilão

Leilao UHEs Foto ANEEL

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) leiloou, na manhã desta quarta-feira (27), em São Paulo, quatro usinas hidrelétricas, projetos que estão no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) do Governo Federal. São elas: São Simão, Jaguara, Miranda e Volta Grande, qualificadas como prioridade nacional no setor de energia.

A chinesa State Power Investment Corporation (Spic) arrematou a hidrelétrica de São Simão por R$ 7,180 bilhões, com um ágio de 6,51%. A Usina está entre os municípios de Santa Vitória (MG) e São Simão (GO) e foi concluída em 1997. Ela possui seis unidades geradoras e tem potência instalada de 1.710 MW.

A Usina de Jaguara, na divida entre os estados de Minas Gerais e São Paulo, foi arrematada pela francesa Engie, maior geradora privada do Brasil, por R$ 2,171 bilhões e ágio de 13,59%.  Jaguara possui 420MW de potência e foi concluída em 1971.

Localizada no município de Indianópolis (Minas Gerais), a Usina de Miranda foi concluída em 1998 e possui três unidades geradoras e tem potência instalada de 408 MW. A Engie também arrematou esse ativo por R$ 1,360 bilhão e ágio de 22,43%.

Já a Usina de Volta Grande, localizada no município de Conceição das Alagoas (MG/SP), foi concedida para a companhia italiana de energia Enel, pelo valor de R$ 1,42 bilhão e ágio de 9,85%.  A Usina foi concluída em 1974 e possui quatro unidades geradoras e tem potência instalada de 380 MW.

Para o secretário especial do PPI, Adalberto Vasconcelos, essas concessões são tidas como um dos melhores investimentos do Programa. “Os investidores terão oportunidade de competir por ativos altamente rentáveis e com fluxo de receitas imediatas. Ganha o investidor e ganha a sociedade com o aprimoramento na prestação de serviço”, ressalta.

Os contratos têm prazo de 30 anos e será declarado vencedor o proponente que ofertar o maior valor de Bonificação pela Outorga, respeitado o valor mínimo para cada usina. O valor do Custo de Gestão dos Ativos de Geração (GAG) total é fixo.



 

Fonte: PPI

Leia outras notícias

  • Governo lança nova carteira de projetos de infraestrutura

    Continue lendo
  • EPL conclui análise de PMI para viabilizar leilão de rodovia que liga Minas e Goiás

    Continue lendo